fbpx
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

REFORMA DA PISCINA DO CEU PARQUE BRISTOL

A reforma da piscina do CEU Parque Bristol começa nesta semana. O equipamento estava interditado à um tempo devido a danos estruturais. O vereador George Hato uniu forças com a comunidade e, através da Secretaria da Educação conseguiu viabilizar esse projeto.

“Nosso mandato é muito presente na região do Parque Bristol. Conseguimos diversas reformas  para a região como a colocação do gramado no campo de Futebol do CDC Parque Bristol, a reforma da UBS Parque Bristol e agora essa tão importante obra que trará mais esporte e lazer para os alunos e a comunidade. Vamos unir forças para fazer de São Paulo uma comunidade mais justa.” Afirma o vereador George Hato.

Confira o que será feito nessa reforma:

INTRODUÇÃO

Manutenção de conjunto aquático com vazamentos  generalizados, ocasionados por movimentos estruturais que provocam fissuras e trincas com até 3mm de abertura.

Descrição dos serviços:

Este memorial tem como objetivo descrever os serviços que serão realizado para requalificação, adequação e manutenção das piscinas do CEI CEU PARQUE BRISTOL.

1 – SERVIÇOS PRELIMINARES

Carga e Transporte de todo material de demolição, inclusive limpeza de laje;

2 – PISCINA E DECK

– Demolição de todo revestimento cerâmico;

– Demolição de toda impermebialização, inclusive revestimento;

– Limpeza de lajes e paredes;

– Execução de impermeabilização com manta elastomerica butílica ou epdm;

– Efetuar as regularizações necessárias;

– Efetuar trocas de ralos de fundo;

– Assentamento de revestimentos cerâmicos.

3 – CASA DE MÁQUINAS:

Revisão geral de instalações hidráulicas e elétricas com substituição de peças danificadas.

4 – RECUPERAÇÃO ESTRUTURAL

– Demarcação de toda a superfície fissurada;

– Escarificação das áreas demarcadas;

– Limpeza das áreas demarcadas;

– Lixamento de armaduras expostas e oxidadas;

– Reconstituição de estrutura com argamassas poliméricas.

5 – PINTURA

– Pintura da mureta, do muro e da arquibancada de contorno;

6 – RECOMPOSIÇÃO DO TALUDE

– Corte na área rompida na forma de “degraus”;

– Reaterro compactado;

– Execução de muretas de contenção.

Fechar Menu